Prevenção é a melhor maneira de combater a gota

Apesar de seu nome confundir muitas pessoas, a gota é uma doença muito comum e que não tem nada a ver com algum tipo de líquido. Ela é, na verdade, uma complicação causada pelo excesso de ácido úrico na corrente sanguínea.

Na ausência de um mecanismo que elimine o ácido úrico de nossos rins, a substância passa a se concentrar na corrente sanguínea, podendo se solidificar em cristais de monourato de sódio. A gota é causada justamente pelo acúmulo desses sais nas juntas, tendões e tecidos adjacentes.

Os principal sintoma aparente de gota é uma artrite inflamatória extremamente dolorosa, que atinge especialmente o dedão do pé, acompanhada de febre e fadiga. Além do dedão, outras regiões podem ser afetadas, como punhos, cotovelos, joelhos e dedos.

O diagnóstico de gota não é simples, já que seus sintomas são semelhantes às de várias outras complicações.

O método mais preciso de diagnóstico é um exame do líquido sinovial, localizado nas cavidades das articulações e responsável por reduzir o atrito entre as cartilagens das juntas. Caso sejam encontrados cristais de monourato de sódio, a doença em questão é a gota.

A prevenção é a maneira mais eficaz de combater a doença. Para isso, é importante reduzir o consumo de carne vermelha e frutos do mar, além de aumentar a ingestão de vitamina C.

Caso você tenha sentido muitas dores nas juntas, procure um reumatologista. Ele é o especialista que pode identificar corretamente a sua condição e fazer um diagnóstico preciso. Cuide-se.

Author Info

Cássio